.posts recentes

. Política de Rendimentos p...

. Política de Rendimentos p...

. A CRISE SOCIAL NO NORTE

. A CRISE SOCIAL NO NORTE

. AGENDA SOCIAL

. Desemprego 2006

. O DESGOVERNO DA SEGURANÇA...

. OE 2007 - Assim não saímo...

. Contradições!

. INCOMPETÊNCIA

.arquivos

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

.Visitas
online
Sábado, 24 de Junho de 2006
Mundial
Não tinha intenção de escrever sobre futebol, mais concretamente sobre este Campeonato do Mundo, não porque não goste, mas porque sobre este tema todos gostam de emitir a sua opinião ou dito de outra forma, em todos nós existe um apaixonado comentador, treinador, critico, o que provavelmente viria a tornar a minha opinião em mais uma.
Deixando de lado todas as opiniões sobre quem deveria estar na equipe, quais os melhores jogadores, o que o treinador faz ou deixa de fazer, quem joga bem ou joga mal, permitam-me que proponha um olhar diferente (mas igual ao de muita gente) sobre este Campeonato do Mundo.
Certamente, mesmo os que não gostam de Futebol, concordarão comigo que este é o desporto mais popular e universal do mundo. A sua simplicidade organizativa e de regras, proporciona a qualquer grupo de amigos, tornarem-se nos ídolos de uma multidão. Quem é que não gosta de passar na rua ou perto do recreio de qualquer escola e ver os “putos” a dar uns pontapés na bola, quem é que nunca se juntou com um grupo de amigos e foi dar uns pontapés na bola, quanto mais não seja para perder uns quilitos, baixar a barriga ou mesmo arranjar motivo para uma “tainada”, será que existe alguém que nunca tenha participado numa “tertúlia” sobre futebol? Estes e outros motivos são os que tornam o Futebol, a maior paixão do mundo e talvez o pão espiritual dos pobres. Para além de outros eventos futebolísticos, de quatro em quatro anos durante praticamente um mês, o mundo pára. Actualmente, nem os Jogos Olímpicos, com toda a sua simbologia, conseguem produzir o efeito emocional que o Campeonato do Mundo consegue, o orgulho nacionalista dos diferentes países é extrapolado para as suas representações, como se de uma batalha se tratasse.
No Mundial que agora esta a decorrer há coisas que ultrapassam todos estes valores e transformam estes sentimentos em meros interesses financeiros para engordar os bolsos de uns quantos que tentam usar o povo para enriquecer.
Sinto-me eu e, provavelmente muita gente, fu…rioso com o que está a acontecer neste Mundial, quem não é rico, não tem direito a ver os jogos. Este, decididamente é o Mundial dos ricos. Como é possível que estando em causa uma competição entre representações nacionais se proíba o povo de assistir a ela, se a mesma fosse entre clubes, até poderia concordar com a emissão privada e a pagar dos direitos televisivos, uma vez que os clubes são instituições privadas. Agora, privar-nos de assistir aos jogos entre varias selecções nacionais, que a maioria das vezes são financiadas por dinheiros públicos, não é justo. Não será esta uma verdadeira causa do chamado serviço público?
Numa altura em que assistimos a ataques constantes contra os direitos adquiridos do povo deste país, estes é mais um grande golpe na nossa moral.
Se a finalidade das pessoas da instituição que gere o futebol e dá pelo nome de FIFA é tornar o futebol num desporto elitista, penso que o esta a conseguir, mas o mais grave disto é que os governos além de o permitirem, ainda financiam toda esta segregação racista.
A minha esperança é que um dia o povo se canse e, estes senhores que hoje não gostam dos pobres tenham que pedir por favor para que as pessoas assistam a um jogo de futebol.


Flavius II
publicado por FlaviusII às 12:04
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Dezembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
31
.links
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds